Curiosidades da Estátua da Liberdade em Nova York.


Estátua da Liberdade
Estátua da Liberdade

A Estátua da Liberdade em Nova York é feita de cobre, mas por causa da oxidação ao longo dos anos, tornou-se verde.

Inicialmente, o cobre foi empregado intencionalmente para oxidar, uma técnica utilizada por arquitetos e escultores para ficar mais chamativa, a pátina.

Curiosidades sobre a Estátua da Liberdade

É possível restaurar sua cor original através de uma mistura de sal e ácido, mas os restauradores creem que isso levaria um pouco mais de 1 ano. Além disso, o processo pode desgastar alguns detalhes da escultura.

Seria necessário desmontá-la em vários pedaços para transportá-la, além do processo ser bastante caro. Em questão de apenas 4 anos, a cor verde já iria aparecer novamente, principalmente pela obra estar em uma região portuária.

Presente da França

Assim, a Estátua da Liberdade foi um presente da França aos Estados Unidos no seu Centenário de independência.

Como os EUA se libertaram da Inglaterra, inimiga histórica da França, receberam o “presente”. O escultor francês Frédéric Bartholdi se baseou no Colosso de Rodes para edificá-la, uma famosa estátua grega do Deus Hélio, feita em 260 aC, destruída por um terremoto.

Portanto, os 214 pedaços da obra foram feitos separadamente ao longo de mais de uma década, transportados da França até Nova York.

Significado da Estátua da Liberdade

Foi montada por Gustave Eiffel (o mesmo que projetou a torre Eiffel) e concluída em outubro de 1886, com 93 metros de altura da base até o topo. Sem a base, possui apenas 47 metros de altura.

A estátua representa a Libertas, deusa romana, que carrega uma tocha e um tábua com a data da Independência dos EUA.

Foi concebida como um símbolo de boas-vindas aos imigrantes de outros países que chegavam de navio na Ellis Island, ao lado de onde está a estátua.

Entretanto, uma curiosidade, é que Maceió e o Rio de Janeiro possuem réplicas da Estátua da Liberdade.

Mas ao contrário do que se popularizou, não foram montadas pelo escultor original da mesma estátua de Nova York, Frédéric Bartholdi ou pelo montador Gustave Eiffel.

Ambas foram feitas pela fábrica francesa Val D’Osne, que produzia peças artísticas em ferro e bronze para várias cidades da América do Sul.

Assim, no Rio de Janeiro, fica na na Vila Kennedy, comparada originalmente pelo Barão do Rio Branco no século 19.

Veja mais lugares incríveis e curiosidades de suas cidades e pontos turísticos: 

Banheiros Públicos da Roma Antiga

A cidade de 4 mil anos: Old Salum

Templo de Karnak

Comente o que você achou do artigo! Não esqueça de compartilhar conhecimento com seus amigos e familiares. 

Portanto, para saber mais de cidades, pontos turísticos e viagens é só continuar no seu Blog de Viagens e Férias.